background image

Consagrados ao Coração

de Maria desde 1967

Detalhe

1-5-2017

UCRÂNIA: Ajuda para a formação de quarenta e nove jovens irmãos basilianos


 

Quando o Papa São João Paulo II viajou até à Ucrânia em 2001, beatificou vinte e cinco mártires da Igreja Greco-Católica Ucraniana que deram a vida sob o comunismo pela sua fé em Jesus Cristo e pela sua fidelidade à Igreja. Entre estes novos bem-aventurados havia alguns membros da Ordem Greco-Católica de S. Basílio que morreram nas prisões e campos de concentração soviéticos, incluindo um bispo da mesma ordem. Na homilia feita na altura, o Papa João Paulo II observou, “Desejo indicar-vos precisamente a vós de maneira particular o exemplo luminoso destas heróicas testemunhas do Evangelho. Sede como eles fiéis a Cristo até à morte! Se Deus abençoa a vossa Terra com numerosas vocações, se os seminários estão repletos e isto é fonte de esperança para a vossa Igreja é sem dúvida um dos frutos do seu sacrifício.”

É verdade que a Ordem Basiliana na Ucrânia se alegra com inúmeras vocações. Na época das convulsões políticas na Europa de Leste, tudo o que restava da ordem era um único mosteiro situado em Varsóvia, na Polónia. Durante a era soviética, quando a Igreja Ucraniana apenas podia viver a sua fé clandestinamente, os irmãos eram enviados secretamente para a Polónia, a fim de serem formados para o sacerdócio. Actualmente, na Ucrânia há nada menos do que vinte e nove casas e 340 religiosos, e a ordem continua a ser abençoada com abundantes vocações. Presentemente, há quarenta e nove jovens ainda em formação. Indiscutivelmente, uma bênção e uma alegria, mas ao mesmo tempo um enorme desafio para os superiores da ordem, que são confrontados com os custos da formação e do sustento destes jovens numa conjuntura de aumento de preços na Ucrânia. Há vários anos que os ajudamos e desejamos continuar a fazê-lo este ano.

 
 

Desta vez prometemos uma contribuição de 29.400 €.


 

Apoie este projecto

 

 

 

O seu donativo irá financiar este ou outro projecto semelhante.  

 

 

 


 

OBSERVATÓRIO: Ucrânia

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

Um Musical a não perder!


08-06-2017

catalogo