background image

Seja a Misericórdia de Deus

Conferência

Seja a Misericórdia de Deus


17-06-2016 , 04-10-2016

Na próxima sexta-feira, dia 17 de Junho, terá lugar na Universidade Católica Portuguesa em Lisboa (sala Brasil), pelas 12 horas, o lançamento da campanha Seja a Misericórdia de Deus - uma campanha que decorrerá durante quatro meses, de 17 de Junho a 4 de Outubro, com o objectivo de apoiar obras de misericórdia em todo o mundo. 
 
O lançamento desta campanha terá lugar em várias partes do mundo, com destaque também para a cidade de Roma, na Sala Marconi nos escritórios da Rádio Vaticano. Entre os presentes na conferência de imprensa estará o presidente internacional da Fundação AIS, Cardeal Mauro Piacenza, e o Secretário-Geral, Philipp Ozores. Ambos serão recebidos em audiência privada com o Papa uma hora antes da conferência de imprensa, juntamente com outros membros da delegação internacional da Fundação AIS. .
 
Esta é uma iniciativa com a qual o Papa Francisco deseja associar-se pessoalmente convidando todos através de uma vídeo mensagem que será divulgada durante a conferência a “realizar obras de misericórdia, juntamente com a Fundação AIS, em todo o mundo, de modo a socorrer as muitas necessidades de hoje”.
 
Desde a pastoral das prisões, a centros de reabilitação de drogas, grupos de apoio a mulheres que sofreram violência e ajuda aos refugiados - estes são apenas alguns exemplos de projectos que serão apoiados. A campanha será promovida em todos os 22 secretariados da Fundação AIS em todo o mundo. O encerramento da campanha será em Roma a 4 de Outubro, dia de São Francisco de Assis, onde a Fundação AIS apresentará os “primeiros frutos” desta campanha ao Papa Francisco.

O primeiro benfeitor da campanha é o próprio Papa Francisco, que numa recente visita de uma delegação italiana da Fundação AIS a Erbil, no Curdistão Iraquiano, confiou um donativo para apoiar os Cristãos iraquianos através do bispo italiano Francesco Cavina de Carpi.

O donativo do Papa será entregue na Clínica de St. Joseph, em Erbil, que dá assistência médica gratuita a cerca de 2.800 refugiados de todas as religiões. A descrição deste projecto será dada na conferência de imprensa na sexta-feira dia 17 de Junho pelo Padre Imad Gargees, um padre católico que trabalha com os refugiados Iraquianos. Este Padre mostrará igualmente um pequeno vídeo sobre a clínica com uma mensagem de agradecimento ao Papa do Arcebispo caldeu Bashar Warda.
 
A relação entre o Papa Francisco e a Fundação AIS já é de há muitos anos. Enquanto ainda Arcebispo de Buenos Aires, o então Cardeal Bergoglio, realizou uma série de projectos com o apoio da Fundação AIS, que descreveu numa carta enviada a quando do 60º aniversário da Fundação AIS, como um “símbolo de comunhão e de fraternidade com a Igreja que sofre”.
 
Esta é uma outra razão pela qual o Santo Padre quis associar-se com a campanha da misericórdia da Fundação AIS. Como o próprio diz na sua vídeo mensagem, “Confio estas obras de misericórdia à Fundação AIS, Ajuda à Igreja que Sofre."

Venha ouvir aquilo que o Santo Padre tem para lhe dizer neste Ano da Misericórdia. Aceite este desafio e seja a misericórdia de Deus.
 

 
 
Contamos com a sua presença!
 



 
comentarios
 
Nome:
Isabel Albuquerque
Comentário:
Gostaria imenso de estar presente, mas vivo no Porto! Espero ver mais tarde o video. Gosto sempre muito de todos os vossos "eventos",mas adistancia ea Familia fazem-me ficar só por ler-vos. Até sempre e obrigado pelo BEM,que fazem a tanta gente.
 
deixar comentario
 

OBSERVATÓRIO: Portugal

 
Mês:
 

SOMOS CRISTÃOS. A NOSSA FÉ NÃO VAI DE FÉRIAS


22-08-2019

catalogo