background image

Detalhe

24-8-2010

AIS já encaminhou 30 mil Euros para o Paquistão


A organização católica internacional Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) encaminhou uma primeira ajuda de 30 mil Euros para dois projectos de apoio às vítimas das cheias no Paquistão.


A curto prazo haverá novos apoios para ajudar as pessoas a enfrentar o Inverno e mais tarde ajudar a Igreja a reconstruir todas a infra-estruturas afectadas pelas inundações.
A tragédia deixou mais de 20 milhões de desalojados e o número de mortos supera os 2000.


O presidente do Paquistão, Ali Zardari, disse que as consequências do desastre vão fazer-se sentir em todo o país, tanto a nível social como económico, durante mais de seis meses.


Em declarações à AIS, D. Andrew Francis, bispo de Multan, refere que os cristãos vão em busca de ajuda junto da Diocese porque não a encontram noutros locais. Aqui e em Faisalabad, casas para catequistas e igrejas ficaram arruinadas.


Em Quetta, o sacerdote salesiano Peter Zago acolhe milhares de pessoas que fugiram para a fronteira com o Afeganistão, fugindo das cheias.


Numa carta endereçada à AIS, o religioso diz que a localidade, a salvo das devastadoras inundações, está agora repleta de "famílias na miséria, trazidas em comboios pelo governos, mas sem qualquer tipo de acompanhamento e ajuda imediata".


Os Salesianos estão a distribuir farinha, óleo, lentilhas, chá e açúcar, mas a resposta é insuficiente, já que muitas famílias "precisam desesperadamente de comida e medicamentos".


O padre Peter Zago explica que o período mais crítico será o próximo mês, esperando-se que depois as famílias possam regressar às suas terras. Nesse sentido, calcula que por 100 euros será possível ajudar um agregado familiar com sete filhos, durante este período.


A Fundação Ajuda à Igreja que Sofre lançou uma campanha de apoio às mais de 20 milhões de pessoas atingidas pelas inundações no Paquistão, uma tragédia natural que deixou atrás de si um tremendo rasto de destruição.


Se puder ajudar faça aqui o seu donativo.

 

Departamento de Informação da Fundação AIS - info@fundacao-ais.pt


 

OBSERVATÓRIO: Paquistão

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

TANZÂNIA | Documentário AIS na RTP


21-08-2019

catalogo