background image

Dê aos Cristãos oportunidade de
voltar para casa

Saiba mais

Detalhe

1-12-2017

Níger: Conflitos regionais e aumento do número de refugiados agrava crise alimentar


O aumento do número de refugiados oriundos do Mali e da Nigéria, em grande parte por causa das actividades terroristas do grupo islamita Boko Haram, está a provocar uma crise alimentar séria no Níger.

Este país alberga quase 60 mil refugiados numa altura em que a região atravessa graves problemas de segurança que se reflecte, também, na queda da produção agrícola, nomeadamente cereais como o sorgo e o milho.

A actuação de grupos armados, como o Boko Haram, que procura a instauração de um “califado” na região nordeste da Nigéria, tem provocado uma crise humanitária de enormes proporções na região.

De facto, este grupo islamita tem espalhado o terror não só na Nigéria – atacando Igrejas e comunidades cristãs, mas também mercados e esquadras da polícia e quartéis do exército – mas também em países da região, como o Mali, o Níger e os Camarões.

PA| Departamento de Informação da Fundação AIS | info@fundacao-ais.pt

 

OBSERVATÓRIO: Níger

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

CONCERTO DE NATAL MARIANO | 8 DEZEMBRO


08-12-2017

catalogo