background image

Dê aos cristãos

a oportunidade de voltar para casa

Saiba mais

Detalhe

15-5-2018

Iraque: Projecto da AIS é um dos principais beneficiários da venda, em leilão, do carro desportivo oferecido ao Papa


O Lamborghini Huracan oferecido em Novembro passado ao Santo Padre pela prestigiada marca italiana de automóveis desportivos foi leiloado pela Sotheby’s por 715 mil euros.

O leilão decorreu no passado sábado, no Mónaco, e os valores obtidos superaram largamente as estimativas mais ambiciosas. Segundo especialistas, o leilão deveria atingir, no máximo, cerca de 350 mil euros.

Afinal, o carro foi arrematado pelo dobro desse valor, desconhecendo-se a identidade do comprador deste Huracan branco com duas listas douradas, benzido e assinado pelo Papa Francisco.

Desde a primeira hora que o Santo Padre decidiu que o dinheiro do leilão iria destinar-se na totalidade a quatro instituições de caridade, uma das quais é a Ajuda à Igreja que Sofre.

Parte do valor agora angariado vai ser destinado à Fundação AIS para o projecto de apoio ao regresso dos Cristãos a suas casas na Planície de Nínive, no Iraque, de onde foram expulsos pelos jihadistas no Verão de 2014.

A Fundação AIS está particularmente comprometida nesta missão, para que os cristãos retornem a suas casas no norte do Iraque como medida essencial para se assegurar a permanência da presença cristã nestas terras bíblicas.

Em Novembro do ano passado, quando o Papa Francisco recebeu no pátio da Casa de Santa Marta o Lamborghini Huracán, estiveram presentes algumas personalidades da Igreja, entre as quais o presidente e o director do secretariado italiano da Fundação AIS.

Alfredo Mantovano e Alessandro Monteduro agradeceram, na ocasião, o gesto solidário do Santo Padre, garantindo que o leilão do carro desportivo iria ajudar seguramente a “trazer mais alguns milhares de cristãos” iraquianos de regresso a suas casas.

Esta não foi a primeira vez que o Papa Francisco decidiu apoiar os cristãos perseguidos no Iraque através da Fundação AIS.

Em 2016, por exemplo, o Santo Padre fez uma doação pessoal de 100 mil euros para a Clínica de São José, em Erbil, no chamado Curdistão Iraquiano, onde milhares de cristãos se refugiaram depois de terem sido forçados a abandonar as aldeias onde viviam, no Verão de 2014, após os ataques jihadistas.

Paulo Aido | Departamento de Informação da Fundação AIS | info@fundacao-ais.pt    



 

OBSERVATÓRIO: Iraque

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

Faça parte desta corrente de oração: Um milhão de crianças rezam o terço


18-10-2018

catalogo