background image

Dê aos cristãos

a oportunidade de voltar para casa

Saiba mais

Detalhe

6-8-2018

UCRÂNIA: Apoio à subsistência e ministério de quatro irmãs Redentoristas em Lviv



Nos anos 30, uma dúzia ou mais de jovens ucranianas viajaram até à Bélgica a fim de se prepararem para a fundação do primeiro convento redentorista no seu país natal, a Ucrânia. Porém, só 80 anos mais tarde é que este sonho acabou por se realizar. O início da Segunda Guerra Mundial e a subsequente tirania soviética tornaram impossível o seu regresso, e os crentes fizeram frente à décadas de perseguição pelos comunistas. Foi só em 2016 que as três irmãs redentoristas finalmente conseguiram fundar o primeiro convento redentorista na Ucrânia.

As irmãs tiveram de começar do zero, começando por estabelecer o seu convento temporariamente numa casa de família. Trabalharam arduamente e por longo tempo a fim de cultivarem o terreno inóspito que se havia desenvolvido em volta da casa. Em breve, outra irmã professa irá juntar-se a elas, mas por enquanto ainda se encontra na Polónia. Há ainda uma jovem candidata. Entretanto, foi concedido ao convento autorização formal para admitir jovens que queiram consagrar a sua vida a Deus, e há já umas poucas que estão interessadas em fazê-lo. Porém, têm de aguardar, dado que a casa apenas pode acomodar oito pessoas.

Alguns fiéis católicos também vêm rezar com as irmãs nos momentos de oração e noutras celebrações litúrgicas. Muitos vêm à procura de oração e conselho por parte das irmãs, e de alguém compreensivo que ouça os seus problemas.

As irmãs estão gratas pelas suas vocações e radiantes com a muito aguardada fundação na Ucrânia finalmente se ter tornado uma realidade. Todavia, apesar do seu frugal estilo de vida, é-lhes muito difícil, enquanto religiosas de clausura, subsistirem na Ucrânia, especialmente tendo como pano de fundo os preços em crescimento acentuado.

 


Prometemos-lhes 2.000 € para a sua subsistência e apostolado.


 

Apoie este projecto

 

  

O seu donativo irá financiar este ou outro projecto semelhante.  

 

 

 


 

OBSERVATÓRIO: Ucrânia

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

ÍNDIA | Documentário AIS na RTP


22-08-2018

catalogo