background image

Síria

Renascer dos escombros...

Saiba mais »

Detalhe

5-12-2018

Níger: Bispo de Niamey assegura que padre italiano sequestrado em Setembro “está vivo”


O Padre italiano Pierluigi Maccalli, sequestrado no Níger, por um grupo armado em 17 de Setembro, “está vivo e em boas condições”.

A notícia foi revelada ontem pelo bispo da diocese de Niamey, D. Djalwana Laurent Lomp ao Padre Désiré Salako, superior da Sociedade para as Missões Africanas, a que pertence também o sacerdote italiano. Posteriormente, o Padre Désiré enviou um comunicado à agência Fides transmitindo esta informação mas não dando quaisquer pormenores por “motivos de segurança”.

O Padre Maccalli, originário da diocese de Crema, em Itália, poderá ter sido sequestrado por causa do seu trabalho de evangelização junto das raparigas vítimas de mutilação genital.

O Padre Marco Prada, que pertence também à Sociedade para as Missões Africanas, destacou, também em declarações à Comunicação Social, que todo o processo que envolve eventuais negociações para a libertação do sacerdote italiano é bastante delicado e exige muita cautela.

“A primeira preocupação das autoridades do Níger, mas também da Embaixada italiana em Niamey, é a segurança do Padre Pierluigi e que qualquer ação que seja tomada não coloque em risco a sua vida”, disse o Padre Marco Prada.

Por sua vez, o Padre Désiré Salako explicou que “é desejo de todos que este caso se conclua pacificamente, sem violência desnecessária”, acrescentando que é preciso ter paciência.

“O tempo que passa, o aparente silêncio, a falta de notícias, não devem ser interpretados como sinal de inactividade”, disse o Padre Désiré. “Pelo contrário, é o clima mais frutífero para que as partes envolvidas possam entrar em contacto com discrição e confiança mútua.”

Não havendo notícias seguras sobre o que terá realmente acontecido ao Padre Pierluigi Maccalli a 17 de Setembro, todos os indícios apontam, no entanto, para que o sequestro tenha sido obra de um dos vários grupos de jihadistas que actuam na região.

PA| Departamento de Informação da Fundação AIS | info@fundacao-ais.pt

 

OBSERVATÓRIO: Níger

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

Concerto de Reis LISBOA


05-01-2019

catalogo