background image

Síria

Renascer dos escombros...

Saiba mais »

Detalhe

11-12-2018

SÍRIA: Um presente de Natal para 16.100 crianças na Síria



Especialmente para cada um de nós, Jad Abed escreveu uma carta muito emotiva e que partilhamos consigo…através deste vídeo.  
(Vídeo) Jad Abed é uma das mais de 16 mil crianças que vai receber um presente dos benfeitores da Fundação AIS e especialmente para cada um de nós, escreveu uma carta muito emotiva que partilhamos consigo...através deste vídeo.
 

Donativo »

 
 
 
“FOI UM DOS NATAIS MAIS DUROS...”

Jad Abed (na foto acima) tem apenas 10 anos, mas podia ser bem mais velho. A guerra roubou-lhe a inocência da infância… o seu sorriso luminoso esconde anos de sofrimento!  Jad Abed desconhece o que significa viver em paz. Tinha apenas 2 anos quando começou a guerra na Síria. Desde então, a casa onde vivia em Alepo foi destruída por uma bomba, assim como a escola, o bairro… Mas o que Abed mais lamenta é a morte de um dos seus melhores amigos que “agora está no Céu...”
 
Quando Abed revolve a memória, lembra-se invariavelmente também de um Natal em que os mercados estavam vazios, em que não havia nada. Nem pão. Foi ainda antes de a sua casa ter sido destruída. Uma noite, nesse Natal, recorda Abed, começaram a ouvir assobios e gritos chamando as pessoas para irem para as ruas. Iria haver algum ataque? O  que seria?
 
“Os meus irmãos e eu estávamos aterrorizados. Porém, depressa demos conta de que estavam a chegar umas carrinhas cheias de pão, com uma ração de pão para cada família”.
 
Jad Abed lembra-se dessas carrinhas com a ração de pão que lhes matou a fome naquele Natal, como se fosse uma guloseima, mas também recorda o esforço, o imenso esforço por parte da Igreja para confortar as famílias, redistribuindo um pouco que havia, comida, roupa, medicamentos e até os doces para as crianças. "Ainda hoje, o meu pai recebe, todos os meses, da Igreja, um cabaz com alimentos e os alunos recebem uma bolsa mensal para ajudar a pagar os estudos”.
 
“REZEM PELAS CRIANÇAS SÍRIAS!”

Neste Natal, Jad Abed não nos pede brinquedos. Nada.
Pede-nos apenas que rezemos por todas as crianças sírias, para que possam viver o resto da sua vida em paz.
 
“Precisamos de paz para podermos curar as nossas feridas e regressarmos, o mais depressa possível, a uma vida normal.” Ele pede-nos paz pois conheceu, como poucos, o horror da guerra. 
 
“Perdi um bom amigo, que morreu num bombardeamento quando estava à espera do autocarro da  escola. Agora tenho um amigo no Céu que vai contar a Deus o que está a acontecer aqui, na Síria…”
 
Jad Abed tem apenas 10 anos e pede as nossas orações. É normal uma criança falar assim? Ele é uma das mais de 16 mil crianças que vai receber um presente dos benfeitores da Fundação AIS. 
 

 

OBSERVATÓRIO:

 






comentarios
 
Nome:
maria emilia aranha
Comentário:
vou enviar um donativo´ a favor das crianças
 
deixar comentario
Mês:
 

Apresentação do Relatório Liberdade Religiosa no Mundo 2018 | SETÚBAL


23-03-2019

catalogo