background image

Presentes de Fé

Bow

Este natal, dê um presente que permaneça!

Bow

Saiba mais »

Detalhe

1-4-2019

Mulheres Extraordinárias | Graças a Deus. Graças a si.


MENSAGEIRAS  DO SEU AMOR

 

“Aquele que fizer a vontade de Deus, esse é que é meu irmão, minha irmã e minha mãe.” Mc 3,35

 

A ninguém se aplicam melhor estas palavras de Jesus do que às religiosas neste mundo. Chamam-lhes madres – e são como mães para inúmeros órfãos e crianças abandonadas, para moribundos e enlutados. Chamam-lhes irmãs e são-no para quem sofre, para doentes, deficientes, pessoas sós e idosos. Consolam, cuidam, ensinam, rezam. Não perguntam pela vontade de Deus, cumprem-na. Não perguntam pela recompensa, vêem-na nos olhos dos seus protegidos, que são para elas os olhos de Cristo.

 

Levam a alegria de viver e dão a sua vida, de forma desinteressada. São sal, luz e fermento entre os homens. Simplesmente, servem. São Marta e Maria em todos os continentes. Ardem por Deus, como mensageiras do Seu Amor.

 

A vontade de imitar Cristo no serviço altruísta aos outros torna a presença das Irmãs um verdadeiro fermento no coração do mundo.

As religiosas são tantas e tantas vezes as únicas pessoas que estão disponíveis no mundo inteiro para levarem um gesto de afecto a quem já nada possui, nem sequer a esperança. Por vezes um sorriso, um carinho, um simples abraço faz milagres. Elas, as mulheres consagradas a Deus, fazem-no acontecer todos os dias. Apoiá-las é uma das prioridades da Fundação AIS, para que possam continuar a ser um sinal de esperança e presença do amor de Deus junto dos que mais sofrem.


Milhares de religiosas em todo o mundo são a alegria silenciosa de Deus. E merecem certamente ser ajudadas.

 

A vida religiosa é o coração pulsante da Igreja e afecta a vida de muitos em todo o mundo. As mulheres extraordinárias que abraçam o Evangelho e respondem ao chamamento para ir e proclamar o Evangelho nos cantos do mundo são testemunhas do sublime e infinito amor de Deus.

 



Neste Boletim poderá ver que do Cazaquistão ao Peru, da Síria ao Ruanda, elas fazem-no graças ao mesmo Espírito que inspira, o mesmo Evangelho que é vivido e anunciado, o mesmo Jesus que está
presente nos pequeninos.

Em muitos países, dão a sua vida e o seu sangue pelo povo que servem, os seus filhos. As Irmãs são as testemunhas vivas do amor de Deus, mas precisam das nossas orações e ajuda para a sua missão. Assim, neste Ano Missionário proclamado pelo Papa Francisco, convido-vos a fazer parte da sua história.

 

ESTAS IRMÃS PRECISAM DE SI. AGORA.


 

OBSERVATÓRIO:

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

Concerto de Reis LISBOA


05-01-2020

catalogo