background image

Detalhe

20-5-2019

BÓSNIA HERZEGOVINA: Ajuda para estabelecer uma filial do Centro Pastoral para os Jovens São João Paulo II na região do norte da Bósnia



Em 2015, o Centro Pastoral para os Jovens Papa João Paulo II foi estabelecido em Sarajevo, a capital do estado da Bósnia-Herzegovina. Está aberto a todos os jovens, sem distinção de credo ou etnia. Foi formalmente benzido pelo Papa São João Paulo II, para quem os jovens eram especialmente importantes e que estabeleceu muitas iniciativas duradouras para os jovens, sendo a mais notável, claro, a Jornada Mundial da Juventude.

O centro tem sido um grande sucesso. Todos os anos cerca de 10.000 jovens a partir dos 10 anos têm participado nos encontros pastorais, nas sessões de formação e nas actividades de lazer que lá são organizados. O lema do centro é “Encontro e Reconciliação – Moldar a Paz e o Futuro Juntos”. O centro tem 20 funcionários a tempo inteiro a trabalhar com cerca de 300 voluntários nas muitas actividades pastorais. A fundação do centro foi apoiada pela AIS com uma contribuição de cerca de meio milhão de Euros.

Os jovens que se envolvem no centro São João Paulo II são frequentemente muito activos nas suas paróquias de origem, outra prova de que é possível viver juntos e em paz neste país, encontrar trabalho, formar um lar e construir uma vida feliz. Em parte, a meta também é promover a interacção e a cooperação entre todos os grupos étnicos e religiões no país, construindo pontes para um futuro de paz. Este trabalho com os jovens é especialmente importante, não apenas para um melhor futuro mas também para a sobrevivência da própria Igreja. Pois, como resultado da guerra na Bósnia (de 1992 a 1995) cerca de metade dos 500.000 Croatas Católicos que lá viviam foram expulsos ou emigraram voluntariamente. Ainda hoje, cerca de 10.000 pessoas deixam o país todos os anos, entre eles muitos católicos, porque sofrem discriminação no local de trabalho, nas escolas e na vida social de um modo geral e, como tal, vêem pouco futuro para si. Mas aqueles jovens que estão profundamente envolvidos na vida das suas paróquias tendem a continuar e a ter fé no futuro.

Agora, porém, a capacidade do centro de Sarajevo não é suficiente para fazer face à grande procura e, assim, um novo centro foi aberto no norte da Bósnia, como uma espécie de filial. O centro proporciona alojamento com dormida até 10 pessoas e também uma vasta gama de actividades, incluindo seminários para líderes de grupos de jovens, iniciativas inter-religiosas e ecuménicas, e outras. Os terrenos do centro também têm uma quinta com animais e um pomar onde os jovens podem trabalhar. O centro já se encontra pronto e a funcionar, mas faltam ainda alguns retoques finais, especialmente nas casas de banho. Além disso, há um plano para montar um palco ao ar livre, com assentos para as actuações ao ar livre e outras.

 
A AIS propõe apoiar com uma contribuição de 20.000 € para que o trabalho do centro possa ser rapidamente terminado.

 


 

Apoie este projecto

 

  

O seu donativo irá financiar este ou outro projecto semelhante.  

 

 

 

 


 

OBSERVATÓRIO: Bósnia Herzegovina

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

RETIRO ESPIRITUAL | JULHO


12-07-2019

catalogo