background image

Detalhe

21-10-2019

BURKINA FASO: Ajuda às religiosas contemplativas



As Irmãs de Maria, Estrela da Manhã, são uma congregação muito jovem fundada em Espanha apenas no ano 2014. Não obstante, o seu número tem aumentado consideravelmente e já conta com 300 irmãs. Além disso, também têm cerca de 350 “oblatas” associadas à congregação. Estas pessoas são provenientes de todas as condições, sobretudo famílias, jovens e sacerdotes, que lutam no seu dia a dia para viver a espiritualidade desta congregação e num espírito de união com as irmãs.

As irmãs vivem uma vida de oração contemplativa, embora sejam diferentes de outras comunidades contemplativas por não viverem em clausura. Elas descrevem-se como vivendo no “coração do mundo”. Cultivam sobretudo um espírito de oração no silêncio, a adoração eucarística e organizam dias de retiro para todos os que possam estar interessados, bem como vigílias de oração para os jovens. Elas convidam as pessoas dos arredores para rezarem com elas e a participarem na Santa Missa.

Esta congregação também tem um convento em Ouagadougou, a capital do Burkina Faso na África Ocidental, onde vivem sete irmãs. Elas são provenientes do Burkina Faso, França, Costa do Marfim, Camarões e até Taiwan, e são muito queridas pela população local. As crianças, particularmente, gostam imenso de ir rezar com as irmãs e muitas jovens ficam felizes por estudarem com elas e aprofundarem a sua fé através do estudo partilhado da Sagrada Escritura. Algumas destas jovens estão a considerar juntar-se à congregação e tornar-se religiosas. Outras estão a aprender ofícios como a costura e os bordados, com a ajuda das irmãs.

Torna-se, porém, um desafio constante para a comunidade providenciar o seu próprio sustento, pois o Burkina Faso é um dos mais pobres países do mundo. Entre outras actividades fazem velas, tecem pano e dedicam-se a outros trabalhos manuais para ajudar à sua subsistência. Mas, apesar do seu modesto estilo de vida, estes rendimentos ainda não são suficientes para o seu sustento.

 

A AIS, então, propôs ajudar estas sete irmãs com um apoio básico de 5000 €. Está disposto a ajudar-nos?


  

Donativo »

 


 

O seu donativo irá financiar este ou outro projecto semelhante.  

 



 

 

 


 

OBSERVATÓRIO: Burkina Faso

 






*Sem Comentários
deixar comentario
Mês:
 

RedWednesday


27-11-2019

catalogo