Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://www.fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Documentários

19
Ago
19 - Ago

ETIÓPIA| Documentário AIS na RTP

ETIÓPIA| Documentário AIS na RTP
Durante o mês de Agosto, a Fundação AIS juntamente com a Agência Ecclesia irá transmitir cinco documentários sobre o trabalho missionário da Igreja perseguida e necessitada em várias partes do mundo. Os documentários serão transmitidos no programa "A Fé dos Homens", da Ecclesia, na RTP 2, pelas 15h00. O terceiro documentário será transmitido na quarta-feira, dia 19 de Agosto de 2020.

ETIÓPIA
A ESPERANÇA MORA DO OUTRO LADO


“No nordeste de Tigray, existem quatro campos de refugiados. Segundo a estimativa do ACNUR, esses quatro campos têm mais de 80.000 refugiados. As pessoas hoje estão aqui, amanhã se mudam. Portanto, não podemos conhecer exatamente as estatísticas, porque elas estão sempre em movimento, legal ou ilegalmente. Eles estão sentados aqui por anos e anos. Não é fácil para um ser humano. ” Pe. Ghidey Alema



A UNCHR calcula mais de 720 mil refugiados (incluindo menores não acompanhados) atualmente na Etiópia vindos do Sudão do Sul, Somália e Eritreia. Mais de 80 mil refugiados eritreus buscam proteção vivendo em quatro campos no noroeste de Tigray e mais 300 chegam por dia. Separados das famílias, enfrentar muitos problemas que junto com a incerteza sobre o seu futuro causam frustração, depressão e dependência. Na impossibilidade de trabalhar na Etiópia, os jovens esperam anos para receber algum dinheiro dos seus familiares com o qual procuram continuar a viagem através do Sudão, Egipto e Líbia em direcção à Europa, arriscando muitas vezes as suas vidas. Os mais idosos e os enfermos muitas vezes são abandonados nos campos. No campo de Shimelba, quase 70% dos 8 mil refugiados são de tribos católicas. O Padre Ghiday Alema, do Adigrat, visita-os semanalmente, celebra a Missa, dá catequese, ouve as pessoas e brinca com as crianças - procurando dar alguma esperança em situações em que a esperança parece quase perdida.



A Etiópia acolhe mais de 900.000 refugiados, a maioria da Eritreia, do Sudão do Sul e da Somália. A falta de esperança e perspectivas de futuro leva muitos deles a fugirem. Nos últimos 30 anos, mais de 38.000 pessoas morreram a caminho da Europa. Os padres nos campos de refugiados procuram dar-lhes esperança e fortalecer a sua fé.



Produção: CRTN/Fundação AIS(ACN)


PROGRAMAÇÃO:

> BOLÍVIA - 5 de Agosto - No coração da Bolívia
> BULGÁRIA - 12 de Agosto - Raízes para os ciganos
> ETIÓPIA - 19 de Agosto - A esperança mora do outro lado
> ZÂMBIA - 26 de Agosto - Pregadores sobre rodas
> VENEZUELA - 02 de Setembro - Pinceladas do rio Orinoco

NÃO PERDER!

Comentários

Deixar um comentário

Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais